• Equipe CG

10 GRANDES TECLADISTAS DO MUNDO

Pra você que ama esse instrumento ou tem vontade de ser um expert das teclas, selecionamos 10 grandes músicos para te inspirar. Confira!



01. JORDAN RUDESS

O americano Jordan Rudess é famoso por sua participação ativa na banda Dream Theater, desde 1999. Porém, já atuou como tecladista do David Bowie, além de lançar dezenas de álbuns solos.


O seu virtuosismo nos teclados começou bem cedo. Aos nove anos de idade entrou na prestigiosa “Juiliard School of Music”, se formando em piano clássico. Já adulto, acabou se apaixonando pelos sintetizadores, dedicando-se profissionalmente a eles.



02. KEITH EMERSON

Keith Emerson foi um grande tecladista britânico, fundador do Emerson, Lake & Palmer, uma das principais bandas do rock progressivo da década de 70.


Ficou conhecido por seu grande talento e suas espalhafatosas apresentações ao vivo, aonde “fritava” as teclas de seu órgão Hammond, durante os solos.


Suas performances eram de tirar o fôlego, tocando de cabeça para baixo, girando com o teclado, entre outras excentricidades. Seu jeito impulsivo e peculiar de tocar, lhe causou diversos problemas nos pulsos.


Mas, além disso, Emerson era dono de uma técnica apurada, quase impossível de se imitar. Seu estilo próprio combinava música erudita, jazz e temas do rock. Foi um dos primeiros músicos a incorporar um sintetizador Moog aos seus teclados.



03. RICK WAKEMAN

Rick Wakeman, é um tecladista brilhante e um dos principais compositores do Rock Progressivo. De origem britânica, estudou música erudita, porém, teve dúvidas quanto ao futuro nesse mercado, e grandes oportunidades no mundo do rock o fizeram optar por abandonar o conservatório, sem se formar.


Nos primeiros anos de sua carreira, foi pioneiro no uso de vários teclados ao mesmo tempo, entre eles: pianos acústicos, elétricos e eletrônicos; sintetizadores; Minimoog; Mellotron; todos os tipos de teclados; órgãos, órgão Hammond; clavicórdios, etc.


Com uma carreira solo extremamente longa, também atuou como músico convidado de grandes artistas como: Elton John, Brian May, Alice Cooper, Lou Reed, David Bowie, T-Rex, Ozzy Osbourne e Black Sabbath. Com David Bowie gravou enquanto ainda estudava no conservatório de música no final de 60. Na época os estudantes eram proibidos de tocar música pop, e por isso, participava das sessões de estúdio em segredo.


A fama e o reconhecimento como tecladista vieram definitivamente após sua entrada na banda Yes.


Wakeman foi reconhecido por ter “as mãos mais ágeis”, entre os tecladistas da sua geração.



4º JON LORD

Jon Lord foi um dos pioneiros na fusão do rock com a música clássica. Formado em piano clássico, misturou diferentes estilos, como blues, jazz e rock, o que o levou a ser considerado um dos principais tecladistas do Hard Rock e do Heavy Metal.


Integrou a banda Whitesnake, e em 1968 fundou a banda de rock inglesa Deep Purple, onde criou melodias intensas, fortes e harmoniosas.



05. HERBIE HANCOCK

Herbie Hancock é o tipo de músico versátil. Pianista, tecladista, compositor e ator, foi considerado um dos mestres do jazz.


Tocou ao lado de grandes músicos, com destaque para sua colaboração com Miles Davis nos anos 60, em um quinteto que se tornou antológico na história do Jazz.


É lembrado pelo sucesso da música “Rockit”, que tinha um vídeo clipe bastante inovador para a época, se tornando um dos primeiros sucessos transmitidos pela MTV.


Diferente de outros músicos do jazz, Hancock nunca teve problemas com a tecnologia, o que o fez receber muitas críticas dos puristas. Hancock utilizava em suas performances um piano elétrico Fender Rhodes, além de adaptar um pedal wah-wah e uma câmara de eco (Echoplex), criando efeitos diferenciados em seus arranjos.



06. STEVIE WONDER

Músico, cantor e compositor, Stevie Wonder nasceu para a fama. A deficiência visual desde o nascimento, não o impediu de ser um artista sublime. Desde cedo, começou a tocar instrumentos incluindo: piano, gaita, bateria e baixo, além de participar de um coral de igreja.


Assinou contrato com a Tamla Records, selo da Motown Records aos onze anos, aonde permanece até hoje.


Com apenas 18 anos, Stevie se mudou para Los Angeles, trabalhando com renomados produtores como, Quincy Jones.


Aos 21, já era considerado um dos grandes astros da música americana. Sua voz aguda, a execução do teclado com maestria e as letras que passavam do romantismo para as críticas sociais, logo lhe trouxeram o reconhecimento mundial.


Na década de 80 ainda carregava o charme do Soul e do R&B dos anos 70, atualizando seu estilo para manter-se na trilha do sucesso.


Stevie gravou mais de 30 sucessos que alcançaram o top 10 e ganhou 25 Grammy Awards, o maior número de prêmios já ganhos por um artista masculino na história da música mundial.



07. CHICK COREA

Chick Corea foi um pianista e tecladista de jazz estadunidense, e um compositor bastante conhecido na década de 70.


Pioneiro do jazz fusion, fez seu primeiro grande show tocando com Cab Calloway, antes de colaborar com Bill Mitchell, Herbie Mann e Stan Getz.

Ocupou o lugar de Herbie Hancock no grupo de Miles Davis, participando da criação do movimento electric fusion na década de 60.


Nos anos 1970 criou sua própria banda, Return to Forever, onde a fusão do jazz a diferentes estilos, lhe rendeu um reconhecimento ainda maior.



08. RICK WRIGHT

Rick Wright foi um músico britânico famoso por sua participação como tecladista da banda de rock progressivo, Pink Floyd.


Aos 20 anos entrou para a Escola de Arquitetura, onde conheceu o baixista Roger Waters e o baterista Nick Mason. Fizeram um grupo na faculdade, escolhendo seis meses depois, Syd Barrett para a guitarra.


Seu conhecimento em jazz fazia com que conduzisse o teclado em harmonias sublimes, criando o tom perfeito nos teclados e piano do Pink Floyd. Por vezes era sério e calculista, outras vezes encarnava o clima de pura psicodelia.


Apesar de não possuir uma técnica comparável aos demais tecladistas britânicos que também despontaram entre os anos 60 e 70, compensava a desvantagem se valendo de grande criatividade na criação de texturas, através dos instrumentos que utilizava.


Como compositor contribuía com duas ou três músicas por álbum, ou colaborava na estruturação de obras coletivas como "Echoes" ou "Time". Dark Side of the Moon (1973) representa seu ápice no Pink Floyd: os teclados se equiparam a guitarra de David Gilmour.



09. RAY CHARLES

Ray Charles foi um pianista norte-americano e cantor de música soul, blues, jazz.


Seu nome de batismo, Ray Charles Robinson, foi encurtado para Ray Charles quando entrou na indústria do entretenimento para não ser confundido com o famoso boxeador Sugar Ray Robinson.


Ray misturou estilos e criou sucessos atemporais. Influenciou, e continua influenciando, muitos artistas. A cegueira não o impediu de tocar, compor e se apresentar para plateias lotadas.


Considerado um dos maiores gênios da música norte-americana, também foi um dos responsáveis pela introdução de ritmo gospel nas músicas de R&B. Um verdadeiro mito, Ray Charles é considerado como o 2º maior cantor de todos os tempos e o 10º maior artista de todos os tempos, segundo a revista Rolling Stone.



10. ELTON JOHN

Elton John é um pianista, cantor, compositor e produtor britânico. Em parceria com o letrista Bernie Taupin, desde 1967, produziram mais de quarenta álbuns juntos.


Com seu estilo musical extravagante e contagiante, Elton foi o artista que mais ajudou a popularizar o piano no Rock e no Pop.


Em sua carreira de cinco décadas, já vendeu mais de 300 milhões de discos, conquistou inúmeros prêmios, como o Grammy, Oscar, Globo de Ouro e Tony, entrou para o Hall da Fama e foi condecorado com o título de Sir Elton John, pela família real britânica. Sem dúvidas, Elton John é um dos músicos de maior sucesso no mundo.



#música #arte #teclado #instrumento #músicos #tecladistas