• Equipe CG

LISTA DE MATERIAIS PARA VOCÊ DESENHAR MUITO!

Confira a lista básica de materiais recomendados para você começar a desenhar com técnica!



Antes de qualquer coisa, é preciso definir qual estilo de desenho você vai fazer e qual a técnica mais apropriada para aplicar na sua arte.


Cada material produz um efeito diferente, por isso, é importante determinar qual linha de desenho vai seguir. Por exemplo, se é a arte mais realista, se os traços são grossos e bem definidos, se prefere algo mais estilizado, etc.


Feito isso, escolha os materiais certos e mãos à obra!



LÁPIS



O lápis mais indicado para fazer o contorno do desenho é o HB. Por ser claro e mais duro, é perfeito para essa finalidade.


Para escurecer o desenho nos locais onde há sombra, pode-se usar os lápis 2B, 4B, 6B e 8B.


Quanto à marca, uma excelente opção é a Staedtler, mas, você também pode usar o bom e velho Faber-Castell!




BORRACHA




Para fazer brilhos e corrigir pequenos erros é necessário utilizar uma borracha branca, de preferência, uma caneta borracha. Evite borrachas muito duras e plastificadas, além de não apagarem bem, podem borrar o seu desenho e danificar o papel.


Uma caneta borracha com a ponta cortada chanfrada pode ser usada para fazer pontos de luz ou um risco branco numa área escura do desenho.


A borracha limpa tipo maleável, também é uma ferramenta fundamental para o desenho. É ideal para abrir pontos de luz, além disso, tem a função de absorver e remover traços e poeira do grafite, carvão ou pastel seco que se formam na elaboração de desenho, evitando deixar resíduos.




PAPEL



O tipo de papel mais indicado é o “Canson para desenho”, que possui uma gramatura maior que o sulfite. É liso, uniforme e mais resistente à ação de apagar sucessivas vezes, além de ser o mais apropriado para os desenhos realistas. Pode ser encontrado em diferentes gramaturas e tamanhos, e sua cor pode ser branca ou levemente amarelada.




ESFUMINHO



O esfuminho é um rolo de papel prensado em formato de lápis, com as duas extremidades apontadas e possuem numeração de acordo com a sua espessura. Ele dá mais uniformidade aos tons, suavizando as passagens de um tom para outro. Pode ser encontrado facilmente em papelarias. Se você não tiver um, pode improvisar com papel higiênico em áreas grandes, ou com um cotonete em áreas pequenas.




CARVÃO VEGETAL



O carvão é o método artístico de desenho mais antigo que se conhece e ao mesmo tempo, o mais simples. Pode ser feito de paus de madeira carbonizados (geralmente de ramos de salgueiro ou videira) ou carvão prensado em barras.


Sua função é marcar o desenho com facilidade, proporcionando traços amplos e a possibilidade de cobrir grandes superfícies com sombra.




LÁPIS DE COR



Tanto para artistas iniciantes quanto para os mais experientes, o lápis de cor é uma ferramenta importante na hora de estimular a criatividade.


Existem dois tipos de lápis de cor: o comum e o aquarelável. O lápis de cor comum é mais duro, por isso é o mais indicado para desenhos secos e que não necessitam de misturas de cores. O lápis de cor aquarelável é mais macio, e produz o efeito da tinta aquarela quando molhado. Geralmente é utilizado em desenhos mais elaborados.




APONTADOR E ESTILETE




Na hora de apontar o lápis, o estilete é a melhor opção. Além de economizar o material, evitando a quebra da ponta, outra vantagem é que você pode moldar a ponta da forma que preferir. O apontador é o mais recomendado para as crianças, é mais seguro e evita acidentes.


Vem aprender a desenhar com a gente! Entre em contato para agendar uma aula experimental gratuita!


#desenho #material